quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Zelaya é apenas mais um comunista antissemita - governo brasileiro expulse este safado da embaixada!


Zelaya diz ser alvo de um complô de mercenários israelenses que usam contra ele radiação de alta freqüência!!!

Reinaldo Azevedo 

O mundo se mobilize em favor de um lunático.

Em entrevista a Frances Robles, do Miami Herald, Manuel Zelaya reclama que sua garganta está inflamada em razão do efeito de gases tóxicos e que mercenários israelenses o estão torturando com "radiação de alta freqüência" (íntegra aqui). Sim, nada menos do que isso. Eu sabia que o complô judaico estava no meio, não é?

Olhem, meus caros, aqui é preciso de um pouco de informação que não se encontra, assim, de cara nos jornais. Já ouviram falar de Norberto Ceresole (aqui, uma síntese de sua vida delinqüente). Ele foi um dos principais teóricos do "bolivarianismo", nesta versão chavista - a rigor, foi seu inspirador. Ceresole, que o diabo levou em 2003, era delirantemente anti-semita. E o combate ao "complô judaico" está na raiz do bolivarianismo. Zelaya, o vagabundo, nada mais faz do que repetir a metafísica asquerosa dessa gente. Pesquisem a respeito quando houver tempo.

Volto a Zelaya.

Em seus delírios, ele diz que corre risco de vida e que os mercenários rondam a embaixada para invadi-la. Mas, corajoso, prefere enfrentar tudo de pé a viver de joelhos numa ditadura militar. Que nojo!

Segundo diz, o uso de gases e de radiação pelos "mercenários israelenses" busca enfraquecê-lo física e mentalmente… Esse vagabundo está confundindo os borborigmos de sua pança asquerosa com gases tóxicos. Bem, tóxicos são… Quem sabe haja um estertoroso a caminho…

Taí o herói democrático de boa parte da imprensa brasileira.

É em favor deste cara que o Brasil levou a ameaça de guerra civil a Honduras. É assim que ele governava o país.

Nenhum comentário: