terça-feira, 10 de maio de 2011

Você tem dores de cabeça muito fortes algumas horas depois de comer? Mas só às vezes?

Você tem dores de cabeça muito fortes algumas horas depois de comer? Mas só às vezes?

Eu TINHA. Levei dois anos para identificar o causador. O que ocorria? Quase como um relógio eu era acordado pela dor fortíssima quatro horas e meia após o jantar. Era daquelas de enfiar dois tylenol e um voltarem para dar uma aliviada.

Sofri com isso por dois anos. Como tenho pressão relativamente alta, meu cardiologista, e olha é que era um dos melhores do mercado, culpava o sal da comida, o excesso de peso e até o travesseiro. Nos exames clínicos absolutamente nada estava fora dos padrões. Não havia nenhuma circunstância interna causadora.

Logo a culpa foi, genericamente, para "enxaqueca". Mas dormindo?

Aí assisti um programa sobre dor de cabeça na GNT e um médico americano  começou a mostrar pessoas que tinham exatamente o mesmo que eu, praticamente todas diagnosticadas com "enxaqueca". E o sujeito disse que era apenas uma alergia. Que as pessoas que tinham dores fortes procuravam cardiologistas, neurologistas e clínicos gerais, que também não identificavam corretamente fora de suas especialidades. Ninguém com dor de cabeça procura alergista.

E qual é o vilão? GLUTAMATO DE MONOSSÓDIO. Segundo o tal médico, é a alergia mais comum, que causa a maior perda de qualidade de vida, mais fácil de identificar (mas menos identificada) e mais simples de resolver: é só parar de consumir.

Ao contrário de adoçantes artificiais, corantes e conservantes, o glutamato de monossódio é absolutamente natural e retirado da cana-de-açúcar. É um realçador de sabor. Na China é usado quase em substituição ao sal, pelo seu custo muito barato. E onde é que se encontra glutamato?

Felizmente, no Brasil há lei que obriga a constar na descrição nos rótulos, mas ninguém diz o motivo. Então o que aprendi? Todos os salgadinhos com sabores artificiais tem glutamato. Sem sabor, ou natural, não tem. Por exemplo: um pacotinho de batata Rufles natural pode ser comido sem dores, mesmo com todo o sal que tem. Meio pacotinho de uma sabor cebola... Pronto: envenenado e algumas horas no inferno. Há embutidos de carne com e sem glutamato. Não há glutamato em doces.

Mas há três terríveis vilões que podem atacar você até mesmo em um restaurante, sem você saber, e é bom perguntar se você constatar sua alergia: Ajinomoto e outros preparados similares; TUDO da Knor e similares de outros fabricantes - cubinhos, sopas em pacotes etc - devido ao glutamato é que a comida fica realmente mais saborosa; TODOS os molhos tipo inglês ou soja (principalmente o Shoyo). Mas lembre que todos tem "glutamato" na descrição do rótulo.

A coisa é tão séria que a Sakura, recentemente retirou o glutamato de seus molhos shoyo, que eu tinha parado de consumir a anos e agora voltei, sem nenhum problema. Molhos de pimenta não tem, pois a pimenta é o realçador de sabor.

Nas fast foods também há problemas. Talvez você não saiba mas em todos os McDonalds há uma tabela de alergias ou na parede ou atrás daquela toalhinha de papel da bandeja. Nenhum dos sanduíches de carne e peixe levam glutamato, mas todos os de galinha (menos um) levam. Então você pensa estar comendo mais saudável e se ferra. Bob's e Kentucky eu não sei.

Tá! Acho que pode ser meu caso! Como testo isso? Você pode ir ao alergista ou fazer estupidamente como eu fiz: coma num dia um saquinho de batata frita sem glutamato e no outro com. Veja se tem sua dor terrível com o segundo... Para ter certeza, eu acho que fiz umas dez dessas diferentes. Depois, cortei tudo que tinha glutamato. Pronto, a terrível enxaqueca insolúvel sumiu, com o facilitante de parar de comer um monte de porcarias.

De onde vem isso se eu sempre comi com estes temperos? Alergia ao glutamato de monossódio é adquirida. Exatamente por você, e eu, termos usado estes temperos a vida inteira é que um dia, sem aviso, seu sistema imunológico passa a entender que o glutamato é um agressor e inicia o combate, onde a vítima não é o vilão, mas é você.

Eventualmente você acaba sendo pego por alguma coisa em restaurantes, mas se ficar fora dos pratos com molhos e perguntar se leva knor ou ajinomoto, você consegue se livrar.

Espero ter ajudado em alguma coisa.

José Roitberg - jornalista

9 comentários:

Rhema Kadoshy disse...

Obrigado pela orientação! Muito válida! Sofro do mesmo mal!

José Lopes disse...

Kra você acabou de me dar uma luz! Achava que minhas terriveis dores de cabeça eram ligadas ao fato de comer demais, mas notava que as vezes mesmo comendo pouco sentia as dores e outras vezes comendo muito nao sentia nada... Vou começar a observar isso mais de perto. Ontem almocei uma salada e nao senti nada... Hoje comi absolutamente a mesma coisa mas havia cmido pedacinho de lasanha na rua, pois não tinha tomado café da manhã... Resultado: dor de cabeça terrível.

patysecret disse...

Noooooossa,nem sabia disso.
Vc não sabe o quanto me ajudou! Algumas vezes depois de comer sentia uma dor de cabeça tão forte que chegava a vomita,mais não entendia porquê isso acontecia se eu estava comendo comida saudável..dai lendo o que vc escreveu percebi que o que tinha em comum nessas refeições era justamente o glutamato monossódico (coloco sazon e caldo de galinha em tudo). Muito Obrigada!

Andréia Rodrigues disse...

Hoje a minha pesquisa sobre porque tenho tantas dores de cabeça possa ter chegado ao fim, depois de ler sua postagem, acabei vendo que possa ser realmente isto que eu sinto, pois na hora do almoço em casa, comi um frango grelhado temperado com caldo de knorr sabor galinha caipira, logo depois que terminei de comer senti dores fortes, melhor, marteladas na cabeça, só passou com remédio, mas obrigada pela dica, valeu muito

adriana disse...

Ótima informação, glumatato monossódico é uito usado pra dar sabor aos alimentos, aboli os cubinhos e o ajinomoto e minhas enxaquecas diminuirão bem!!

Longado sousa disse...

acabei de ler e vou observar mais daqui uns dias volto p comentar,estou em uma missão p descobrir a causa da minha dor de cabeça apos se alimentar ,obrigado!!

Anônimo disse...

Engraçado que hoje faz 6 dias que eu estava com dor de cabeça do lado direito , aí tomei um remédio a dor passou , e agora pouco acabei de fazer uma salada de tomate e desagrei no sazon amarelo e a dor voltou logo em seguida .

antonio moraes disse...

Obrigado, eu já estava desconfiado do caldo Knorr se eu como alimento com esse mal na janta no outro dia quase morri com fortes dores de cabeça.

niceartesanatos disse...

Olá, gostei da matéria. Só que no meu caso eu tirei a cebola completamente dos meus pratos. O glutamato knor sazon e outros eu não tenho mesmo o costume de consumir. Mais a danadinha da cebola eu adorava. E dificilmente um prato deixava de entrar a venenosa cebola no meu caso. Tinha fortes dores de cabeça praticamente quase todo dia. Agora estou muito bem.